administração

O lado B da Google


É ruim trabalhar na Google?


Logo da Google

O sonho de muita gente que trabalha com tecnologia é ingressar nas empresas referências desse mercado. Facebook, Apple, Microsoft e tantas outras figuram entre as companhias que mais podem agregar experiência e conteúdo ao currículo dos profissionais, além de cada uma oferecer vantagens que outras organizações não costumam ter. É claro que o Google também está nessa lista. E mesmo com produtos usados por milhões de pessoas em todo o mundo, funcionários e ex-funcionários da gigante de Mountain View afirmam que trabalhar lá não é lá as mil maravilhas. Essas pessoas, que supostamente fazem ou fizeram parte da empresa, publicaram seus depoimentos anônimos no fórum de perguntas e respostas Quora para mostrar um lado da companhia que poucos conheciam. Saiu no Business Insider.

Pouco espaço para muita qualidade. Não é novidade que o Google é muito exigente na hora de contratar novos funcionários – o que, em tese, não é algo ruim. A questão é que isso se torna um problema quando se juntam em um mesmo ambiente: como todos são super qualificados para o trabalho, alguns são direcionados para tarefas mais simples dentro da empresa, como remover manualmente vídeos ilegais do YouTube ou ajudar no suporte do AdSense. No final das contas, você pode achar que esse método não é tão grave, mas não atende às expectativas profissionais e salariais do indivíduo recém-chegado ao mercado de trabalho.

Segundo as publicações no Quora, a situação é ainda pior porque alguns estudantes que trabalham em funçõs menores no Google estão entre os dez melhores alunos da universidade que frequentam. Além disso, funcionários reclamam que a empresa vive sempre em um clima de startup, o que impede maiores chances de crescimento dentro da companhia. "Se você não criar nada incrível, será apenas o óleo que vai lubrificar as engrenagens da máquina do Google", diz uma das mensagens. Os trabalhadores afirmam que ninguém lá dentro tem noção de design (apenas de programação), e que os engenheiros da empresa, responsáveis pelos projetos mais importantes, não são muito abertos a diálogos. Quem vê o Google de fora elogia a fórmula descontraída adotada pela empresa. 

Afinal, não são todas as organizações que permitem mais flexibilidade no horário de trabalho, almoço e até espaço para lazer – no escritório da companhia em São Paulo, por exemplo, há salão de jogos, restaurante privativo e redes de dormir. Por outro lado, a coisa muda de figura para os funcionários da gigante das buscas. Eles dizem que tanta liberdade prejudica as metas da equipe e causa uma sensação de imaturidade, já que muitos empregados passam boa parte do tempo sem fazer nada ou bebendo. Enquanto uns tentam trabalhar de verdade, outros brincam demais e trabalham de menos. Os profissionais ainda reclamam que são muitos os locais para você se divertir no campus do Google (lanchonetes, salas com jogos e TVs). No entanto, encontrar um lugar mais calmo e privado para pensar e relaxar é "bem difícil".

Com todas essas queixas, os funcionários do Google relatam ser complicado a própria empresa incentivá-los em novos projetos e funções. "Os chefes não querem se comprometer, não sabem como inspirar sua força de trabalho", afirmam. Eles também alegam que a empresa confia tanto no nome "Google" e no peso que ele tem que prefere não arriscar em ideias que possam manchar a marca. Por isso, muitos optam por abandonar seus cargos na companhia. "Trabalhei lá por três anos e foi muito difícil sair. O Google é tão grande que você não pode ter qualquer impacto sobre ele", disse um dos ex-empregados. Outros profissionais dizem que você precisa ser incisivo na hora de apresentar seus projetos. "Certifique-se de anotar tudo o que eles disserem. O Google faz muitas promessas vagas". Vale relembrar que não se sabe se todas essas informações são verdadeiras, já que os depoimentos no Quora foram feitos por usuários anônimos. Contudo, não há como descartar as opiniões de quem já pode ter trabalhado ou ainda trabalha em uma das empresas mais cobiçadas do mundo.

-----

Fonte: Canaltech

portal administração feed
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COLUNAS
RECOMENDAMOS
REDES SOCIAIS
-------------------------------------------------
Receba Nossas Atualizações
PARCEIROS