administração

Storytelling - O que é e pra que serve?


O que é Storytelling?


Conceito de Storytelling

O conceito de Storytelling ainda é bastante recente para a maioria das empresas. No entanto, esse é um assunto que vem atraindo a atenção de muitas organizações e especialistas da área de marketing nos últimos anos. O termo pode ser definido de diversas maneiras, mas em geral, podemos dizer que se trata da arte de contar histórias em conjunto com à venda  de produtos e serviços, e que também auxilia na aproximação entre a empresa e seus consumidores. Derivado do termo em inglês "story", que significa uma estrutura narrativa geralmente ligada à ficção - definindo assim o termo Storytelling.


O Storytelling possui como finalidade auxiliar a organização na construção da estratégia de relacionamento da mesma com os seus clientes, utilizando-se do compartilhamento do seu "conhecimento " para alcançar esse objetivo. Mas como a empresa faz isso? É simples, ela organiza seus fatos reais, em uma estrutura de história e trabalha os elementos e mensagens que compõem a história (story), seguido pela elaboração das obras narrativas (telling). O processo pode ser resumido em sete etapas: ouvir, aprender, descobrir, explorar, criar, comunicar e encantar. Esse novo conceito de marketing foi introduzido no Brasil pela JourneyCom, um agência de publicidade de São Paulo.

Vertentes do Storytelling


Storytelling - Johnnie Walker
O Storytelling também pode ajudar a empresa em campanhas que envolvam outros tipos de mídia. Nesse caso, temos o conceito de Trans mídia Storytelling, ou seja, contar uma história por meio de diferentes mídias. Nesse conceito, é importante levar em consideração que cada mídia exige um tipo de narrativa específica para si e para seu público-alvo. A área de comunicação ou marketing da empresa pode utilizar essa técnica como uma ferramenta estratégica, para fazer um elo de ligação contextual entre as diferentes mídias de uma campanha.

Em geral, o trans mídia permite a ampliação do alcance da história, já que utiliza uma estratégia de comunicação integrada, por meio de diversos canais, maneiras e plataformas. Como dito antes, cada plataforma possui a sua narrativa específica, porém com uma mensagem que transparece todas as ações, mantendo a conectividade, mas ainda assim, atingindo públicos diferentes. É comumente confundida com uma simples estratégia de marketing, porém, ela acompanha também a criação de novos dispositivos, uma cultura de convergência e um estudo específico sobre narrativas (storytelling).

Case de sucesso - Você provavelmente irá lembrar do caso que iremos citar, o nosso exemplo é o da famosa marca de Whisky escocês Johnnie Walker. Essa empresa criou um vídeo institucional contando toda a trajetória da marca, como ela foi criada, os obstáculos que enfrentou e como chegou ao grande reconhecimento do mercado de Whisky. Clique no link para ver o excelente vídeo da Johnnie Walker. É importante ressaltarmos que a identificação do vídeo com a identidade da marca, como por exemplo, o personagem narrando a história da empresa ao mesmo tempo em que caminha pela estrada de terra, que por sinal faz referência ao slogan da empresa "Keep Walking".

Conclusão - Storytelling


Podemos dizer que o principal segredo do Storytelling está em atribuir significados emocionais à elementos técnicos por meio de um contexto. Esse contexto emocional auxilia a empresa à trabalhar a curiosidade e a expectativa dos seus consumidores, aumentando o envolvimento dos mesmos para com a organização. Isso tudo ocorre através de um planejamento que obedece determinadas fases, porém, o mais importante é saber trabalhar qualitativamente o Storytelling, ampliando seu alcance com o uso do transmídia, tendo sempre como objetivo final o melhor engajamento possível junto ao público-alvo.


Para isso, é necessário elaborar uma narrativa de qualidade que alcance o lado emocional do espectador. É importante ter em mente que para o storytelling dar certo é preciso descobrir a história única, real e exclusiva da sua empresa, que fará seu negócio ser lembrado quase que instantemente pelos seus consumidores. Outras empresas podem até copiar sua marca, ou seu produto, mas ninguém conseguirá copiar sua história. Segundo Pereira de Mello, diretor da JourneyCom, um posicionamento sólido, uma marca com história pra contar e que leve a conquista do cliente e, principalmente, da sua confiança, podem fazer a diferença.

-----

Nós também estamos no Twitter e no Google+!

portal administração feed
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COLUNAS
RECOMENDAMOS
REDES SOCIAIS
-------------------------------------------------
Receba Nossas Atualizações
PARCEIROS