administração

Marketing negativo? Exemplo do que não fazer


O caso courofino x marketing negativo


Marketing negativo

Após nossa equipe se deparar com a terrível propaganda de uma certa empresa de bolsas e sapatos (imagem acima), pensamos juntos, esse pessoal não sabe o que é Marketing negativo? Não passou pela cabeça de ninguém da empresa que esse tipo de publicidade seria altamente rejeitado pelo público? Como um gerente de marketing ou diretor desse setor aprova esse tipo de divulgação? No decorrer do post, iremos explicar um pouco mais sobre o caso, para que vocês possam entendê-lo melhor e também descobrir como evitar esse tipo de Marketing prejudicial para qualquer organização, independentemente do tamanho e prestígio da que a mesma possua.

A empresa cearense Courofino decidiu fazer um projeto publicitário para homenagear o dia das crianças, na qual utilizaria uma criança de três anos,  aparecendo despida, em poses adultas (erotizadas) nas fotos, nas peças e no banner da propaganda. Após produzidos, o material foi publicado na página oficial da empresa em uma rede social, ou seja, não demorou muito para os internautas compartilharem as imagens, acompanhadas de críticas à marca. Enfim, o que significa Marketing? Segundo Levit, o marketing é: "um processo social e gerencial pelo qual pessoas e grupos obtêm aquilo que necessitam e desejam mediante a criação, oferta e troca de produtos de valor com outros." (Levitt, 1991)

Conceito do Marketing Negativo 



Os quatro Pês do Marketing
Um dos principais objetivos do Marketing é agregar valor à marca (e não o contrário, como no caso exemplificado). O valor agregado, vai ser a estimativa do consumidor quanto a capacidade do produto de satisfazer suas necessidades. Essa estimativa por parte do cliente, leva em conta alguns aspectos fundamentais para qualquer negócio, que são: o custo (preço), a propriedade, o uso, a promoção e o ponto de venda.

Em contrapartida, o Marketing negativo é caracterizado basicamente quando imagem de um produto, empresa ou mesmo uma pessoa é denegrida, prejudicada, ou difamada. Fatos que podem ser feitos por ela mesma ou por terceiros. Por isso, muito é discutido à respeito do assunto, se este tipo de Marketing poderia prejudicar ou não o negócio ou produto de uma empresa. Uma coisa é certa, atualmente nenhuma empresa deseja, conscientemente pelo menos, dar um tiro no pé nas redes sociais, visto que, na maioria dos casos o retorno não se demonstra satisfatório (como o exemplo desta matéria).

Devido a isso, existem diversas pessoas que seguem a linha de raciocínio de que tanto o Marketing positivo quanto o Negativo pode ser proveitoso para o negócio, pois em ambas as situações o produto passa a ter mais popularidade, podendo ela ser positiva ou não (Já no caso da Courofino, existiu o aumento da popularidade, porém, acabou ocasionando repúdio por parte do público em geral). Voltando ao incidente, após o ocorrido a empresa procurou prontamente se redimir perante o público, porém, no mundo em que vivemos rodeados de mídias sociais, internet 24 horas e repercussões relâmpago, o estrago já estava feito. O CONAR (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária), já havia recebido mais de 70 notificações sobre a campanha e consequentemente abriu um processo contra o anunciante.

Conclusão - Marketing Negativo


Me deparando com um caso desse, custa-me acreditar que a agência de publicidade que produziu esse material não teve noção de que as fotos passariam por tal situação, uma vez que colocar uma criança em poses erotizadas e numa situação absolutamente desnecessária, dentro de uma sociedade com tantos casos de pedofilia e abuso sexual, seria óbvio que a repercussão do fato viria negativa. Em nota, a empresa Courofino informou que as peças e o banner publicitário já foram removidos e que houve uma "interpretação distorcida da real intenção da empresa".

Uma das coisas básicas que aprendemos durante o curso de administração, são os fundamentos da Administração de Marketing e de como esse deve ser produzido, desenvolvido e transmitido para o público em geral. Resta concluir, que a empresa vai precisar de algum tempo para se recuperar do "tombo" e provavelmente já está arcando com os prejuízos causados por uma péssima ação de publicidade. Por isso, pesquise bastante antes de contratar qualquer agência, veja se a mesma é confiável e possui reconhecimento no mercado. Lembrem-se que diferentemente do Marketing Negativo, o mkt positivo é fundamental para o seu negócio. Talvez esse case seja o reflexo da qualidade dos profissionais que temos por aí. Até a próxima, pessoal e continuem ligados aqui no PA, o seu portal da administração!

-----

Redação Portal Administração
Nós também estamos no Twitter e no Google+!

portal administração feed
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COLUNAS
RECOMENDAMOS
REDES SOCIAIS
-------------------------------------------------
Receba Nossas Atualizações
PARCEIROS